Empresa Servišos D˙vidas Pacientes E-mail

Resultado pela Internet

 

Anticorpos anti-CCP
Novo teste para Artrite Reumatóide

A determinação de anticorpos anti-CCP (cyclic citrullinated peptide) surge como um importante teste no diagnóstico da AR.

 

::. Introdução .::

Artrite reumatóide (AR) é uma doença autoimune, de etiologia não definida, caracterizada por poliartrite crônica. Acomete 1 a 2% da população mundial ocidental. A presença do Fator reumatóide (FR) é um dos critérios diagnósticos de AR, entretanto, alguns fatores, abaixo descritos, limitam seu uso clínico. Existe uma tendência moderna ao tratamento agressivo da AR na fase precoce. Tendo em vista os efeitos-colaterais potencialmente tóxicos das drogas utilizadas, testes com alta especificidade são necessários. A determinação de anticorpos anti-CCP (cyclic citrullinated peptide) surge como um importante teste no diagnóstico da AR.

 

::. Aspectos do Fator Reumatóide .::

O fator reumatóide é um auto-anticorpo dirigido contra IgG. As metodologias historicamente utilizadas para sua detecção foram o Teste de Aglutinação com hemácias de ovelhas (Waaler-Rose) e o Teste de Aglutinação pelo Látex (Plotz-Singer látex Test). Por apresentarem baixa reprodutividade e subjetividade na leitura foram suplantados por técnicas mais modernas. A nefelometria é o método apresentando maio especificidade e sensibilidade. Algumas características dificultam a interpretação clínica do FR:
- Positivo em 5 a 10% da população saudável, e 25% dos indivíduos maiores de 70 anos.
- Doenças que cursam com aumentos de gamaglobulinas podem causar falsos positivos biológicos:
Colagenoses: positivo em 5-10% dos casos de Lúpus eritematoso sistêmico; 90% dos casos da Síndrome de Sjögren, em 5% casos de polimiosite, e polimialgia reumática.
Infecções crônicas (positivo em 10-40% casos): sífilis, lepra, brucelose, tuberculose, EBV, malária, esquistossomose, endocardite bacteriana sub-aguda.
- FR é negativo em 1/3 dos pacientes com AR.
- FR é positivo em menos de 50% dos casos de AR, nos primeiros 6 meses de doença.

O Laboratório Exame realiza o FR pela Nefelometria.

 

::. Anticorpo anti-CCP .::

A citrulina (Cyclic Citrullated Peptide) é um aminoácido resultante de modificação da arginina, e está presente em algumas proteínas humanas. Anticorpos dirigidos contra a citrulina (anti-CCP) foram encontrados no líquido sinovial de pacientes com AR. Vários estudos sustentam a utilidade do anti-CCP na AR, dentre os quais citamos:
- Kroot et al. encontram anti-CCP em 70% dos pacientes com AR nas fases iniciais da doença. Relataram, ainda, associação de anti-CCP com pior evolução radiológica.
- Bizarro et al. observaram uma sensibilidade de 41% e especificidade de 97,8% para o anti-CCP. A combinação de FR e anti-CCP forneceu especificidade de 99,6%. Também encontraram associação de anti-CCP e artrite precoce.
- Mediwake et al. demonstraram utilidade do anti-CCP na diferenciação entre AR e lúpus eritematoso sistêmico erosivo.
- Schellenkens el al. descrevem especificiade de 98% e sensibilidade de 68% para AR, nas dosagens de anti-CCP por imunoensaio. A associação do anti-CCP e do FR resultou em valor preditivo positivo de 91%. A especificidade no grupo com artrite de início recente foi de 96% (98% se associada ao FR). Anti-CCP foi encontrado em 35% dos pacientes do grupo de portadores de AR com FR negativo.

 

::. Das evidências atuais, concluímos sobre anti-CCP no diagnóstico da AR .::

- Apresenta maior especificidade que o FR.
- É independente do FR, sendo útil no diagnóstico dos pacientes com artrite reumatóide e FR negativo.
- Nos pacientes com artrite de início recente é importante ferramenta para diagnóstico precoce de AR, permitindo tratamento imediato.
- Prediz evolução mais agressiva da AR.
- Sua associação com o FR determina especificidade próxima a 100%, sendo útil ao diagnóstico diferencial de outras colagenoses.


Empresa
Servišos
D˙vidas
Pacientes
E-mail
Topo